Viagens de ônibus sinalizam recuperação e Buser amplia atuação em Minas e São Paulo

O feriado de 7 de setembro teve um pico de procura semelhante ao que observamos no carnaval deste ano. Nossas projeções indicam que a alta temporada será pelo menos três vezes mais movimentada para nós do que no ano passado”, afirmou Marcelo Abritta, CEO da startup.

Viagens de ônibus sinalizam recuperação e Buser amplia atuação em Minas e São Paulo

As viagens de ônibus que sofreram um duro baque com a pandemia estão aos poucos voltando a ser uma opção. Essa é a constatação da Buser, maior plataforma de viagens compartilhadas que oferece trechos por valores até 70% menores que os praticados nas rodoviárias.

Diante deste cenário, a empresa prepara uma expansão ampla das rotas pensando na alta temporada e deve fazer uso de promoções especiais aos viajantes. Os Estados de Minas Gerais e São Paulo serão priorizados neste primeiro momento.

“O feriado de 7 de setembro teve um pico de procura semelhante ao que observamos no carnaval deste ano. Nossas projeções indicam que a alta temporada será pelo menos três vezes mais movimentada para nós do que no ano passado”, afirmou Marcelo Abritta, CEO da startup.

Segundo Abritta, a Buser está retomando a margem de crescimento que tinha antes da pandemia, crescendo, em média, 5% por semana. A startup já opera em mais de 100 cidades.

ADVERTISEMENT
Amanda Querobino

Amanda Querobino

28 anos. 𝘗ó𝘴-𝘨𝘳𝘢𝘥𝘶𝘢𝘯𝘥𝘢 𝘦𝘮 𝘋𝘪𝘳𝘦𝘪𝘵𝘰 𝘋𝘪𝘨𝘪𝘵𝘢𝘭 𝘦 𝘊𝘰𝘮𝘱𝘭𝘪𝘢𝘯𝘤𝘦 e 𝘙𝘦𝘥𝘢𝘵𝘰𝘳𝘢 da @agenciaquerobino. Vivendo entre São Paulo capital e a calmaria do Interior de Itapeva-SP. Criou seu primeiro blog no ano de 2009, ingressando no universo da moda e beleza. Encontrou no blog uma forma de unir sua paixão pela escrita e empoderamento feminino.

Você pode gostar:

ADVERTISEMENT
ADVERTISEMENT

inscreva-se

Inscreva-se para receber todas a novidades no seu e-mail!

quem escreve

Amanda Querobino

Criou seu primeiro blog no ano de 2009. Anos depois ingressou no universo da moda e beleza, encontrando assim, uma forma de unir sua paixão pela escrita e empoderamento feminino.

mais lidas